Fique sempre atualizado

Minuto de economia

Fique por dentro de tudo que acontece.

Resultado do IPCA-15 acima do esperado indica aumento de 0.5 p.p. na Selic em agosto… | MINUTO DE ECONOMIA

LEIA EM SEGUNDOS OS MINUTOS DA SEMANA…

  • Ata do Copom indica taxa de juros mais altas e por mais tempo. A ata da última reunião do Copom, divulgada hoje, trouxe detalhes da decisão que aumentou a taxa básica de juros em 0,5 p.p. passando de 12,75% para 13,25% ao ano

Resultado do IPCA-15 acima do esperado indica aumento de 0,5 p.p. na Selic em agosto… 

  • A inflação continua alta e bem disseminada nos diversos grupos apesar de estar apresentando leve desaceleração em alguns grupos importantes como o de Alimentação.
  • O IPCA-15 de maio foi de 0,69%, acima da projeção da GO Associados (0,59%) e acima da projeção do mercado (0,62%).
  • A maior variação veio do grupo vestuário, 1,77%. Já o grupo transportes, 0,84%, pressionou menos a inflação. Apesar da alta do óleo diesel, 2,83%, o etanol e a gasolina caíram 4,41% e 0,27%, respectivamente.
  • O resultado não incorpora o teto do ICMS, sancionado nesta semana, nem o último aumento anunciado pela Petrobrás na última sexta.
  • No acumulado de 12 meses, o IPCA-15 está em 12,04%, mais do que o dobro do teto da meta estabelecido para o IPCA em 2022 (5%). O acumulado dos seis primeiros meses do ano supera o teto da meta (5,65%).

O que vai mexer com as expectativas econômicas na próxima semana… 

No cenário doméstico:   


i. O principal assunto da semana que vem deve continuar sendo o preço dos combustíveis. O novo presidente da Petrobrás, Caio Paes de Andrade, deve assumir nos próximos dias com a missão de suavizar a atual política de preços da empresa.

ii. Outras medidas relacionadas aos combustíveis também devem chamar atenção. A PEC 16/22, que compensa estados que zerarem o ICMS sobre gás de cozinha e diesel, deve ser votada na próxima semana no Senado.

iii. Há rumores também de que o governo possa desistir desta PEC para criar um auxílio emergencial de R$ 200 no próximo semestre, que se somaria ao vale gás e auxílio caminhoneiro.


iv. Os principais indicadores da semana serão os relacionados ao mercado de trabalho. Para a quinta, dia 30, está prevista a divulgação dos dados do mercado formal e da taxa de desemprego referentes a maio. A taxa de desemprego deve continuar a cair se aproximando dos 10%. Nos próximos meses a taxa deve voltar ao patamar de um dígito.

v. O outro indicador de destaque será o IGP-M de junho que será divulgado na quarta, 29. A projeção da GO Associados é de uma variação de 0,61%.

vi. Será realizado na próxima quinta, 30, o Leilão de Transmissão nº 1/2022 pela ANEEL. Serão licitados 13 lotes para a construção e a manutenção de 5.425 km de linhas de transmissão. A expectativa de investimento é de R$ 15,3 bilhões.

No cenário internacional:

vii. Na quinta, 30, será divulgado o índice de preços de despesa de consumo pessoal (PCE) de maio nos EUA. É o índice mais acompanhado pelo FED e acumula alta de 6,3% nos últimos 12 meses.

viii. O Índice de Compras dos Gerentes (PMI) industrial será divulgado para a China na noite de quarta, 29, e para a Zona do Euro e EUA na sexta, dia 1º.

Não perca nosso Webinar semanal e fique por dentro das principais notícias em economia e negócios da semana! Toda segunda-feira às 9h30.

Comece a semana bem-informado com o webinar da GO Associados que analisa os resultados da pesquisa Focus e os fatos mais importantes da semana para a economia. Transmissão ao vivo pelo Canal Gesner Oliveira, toda segunda-feira, das 9h30 às 9h45. Nesta semana contaremos com a presença de Luiz Marinho, Consultor Associado da ChemVision, Paulo de Tarso Lyra, sócio fundador da Mentes & Letras Comunicação, Thiago Piassum, sócio gestor da Marco Investimentos, Maurício Sampaio, engenheiro agrônomo e especialista em Agrobusiness e Lucas Godoi, mestre em teoria econômica e consultor na GO Associados.

Compartilhe essa publicação!

Talvez essas publicações também te interessem!