Fique sempre atualizado

Eventos

Fique por dentro de tudo que acontece.

Em Live do Estadão, Gesner Oliveira fala sobre impactos socioeconômicos positivos da energia eólica

Encontro abordou também os benefícios das instalações dos parques eólicos para diminuição da emissão de gás carbônico, responsável pelo efeito estufa.

A energia eólica tem impactos socioeconômicos positivos na medida em que eleva a renda das famílias, reduzindo as desigualdades. Este foi o assunto que norteou a participação de Gesner Oliveira, economista e socio-executivo da GO Associados, na Live do Estadão “Caminhos da Energia – A gestão da sustentabilidade no setor energético e o impacto social”, nesta terça-feira 5 de outubro.

Mediado pelo jornalista Eduardo Geraque, o encontro teve ainda a presença de Rômulo Marçal, diretor corporativo da Votorantim Energia. Durante a Live também foram abordados os benefícios das instalações dos parques eólicos para a diminuição da emissão de gás carbônico, causador do efeito estufa.

Na oportunidade, Gesner comentou os resultados apresentados no estudo realizado pela GO Associados para a Abeeólica (Associação Brasileira de Energia Eólica) sobre o impacto social positivo causado nas comunidades onde são instalados os parques de energia eólica, tendo como recorte cidades das regiões Sul e Nordeste, que concentram a maioria dos

empreendimentos eólicos e solares. “Acho que a gente tem um potencial muito grande para a expansão dos parques eólicos no país. O Brasil deveria aprofundar essa característica. Seria desejável que nossa matriz elétrica fosse mais diversificada e dividida no esquema 30 em 30, com energia solar e eólica expandindo nossa matriz”, ressaltou Gesner.

O economista analisou ainda as reais condições para o país se tornar um país carbono zero. “O Brasil tem potencial de redução de emissão de gases de efeito estufa muito maior que muitos países, como a China”, disse. “Porém, falta atuar com eficiência em outras áreas como agronegócio, desmatamento ilegal, entre outros. Existem muitos desafios a serem enfrentados”, ponderou.


Rômulo Marçal destacou a atuação da Votorantim Energia nas regiões onde foram instados os parques eólicos e comentou a transformação que ocorreu com as comunidades, com o relacionamento da empresa com as pessoas. Mencionou a importância da economia circular para a renda população, gerada a partir de iniciativas da empresa que melhorou a renda e a qualidade de vida das pessoas.

A Live “Caminhos da Energia” foi transmitida pelo canal do Estadão no YouTube, confira:

Compartilhe essa publicação!

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Talvez essas publicações também te interessem!